A uberização do trabalho tem gerado ‘nômades’ urbanos que sobrevivem por subempregos, sem seus principais direitos de cidadania e dignidade.



Esta matéria é apenas para assinantes


É novo no site?

Assine 100% Gratuito!