O mundo do trabalho está em plena transformação, quer seja pelas relações de trabalho, quer seja pelas novas formas de trabalho e tecnologias de produção.

Se por um lado enfatizamos os avanços tecnológicos na Indústria 4.0, observamos uma forte tendência do crescimento de prestadores de serviço que potencializam as pequenas e médias empresas.

Se de um lado falamos de nanotecnologia, de outro ainda precisamos entender melhor as inter-relações dos agentes ambientais presentes nos processos que estabelecem as condições de trabalho nos quais os trabalhadores e trabalhadoras são postos.

Ainda se faz preliminar reconhecer as fontes geradoras de riscos ambientais, embora trabalhar na prevenção antecipada seja uma das melhores formas de se evitar acidentes e adoecimentos no trabalho. Desta forma, a própria Organização Internacional do Trabalho (OIT) propõe ampliar as discussões sobre o “Futuro do Trabalho”.

Sem sombra de dúvida, as boas práticas de trabalho passam a ser um dos instrumentos educativos importantes que podem propiciar a exemplificação das atuações dos diversos autores sociais em busca do aprimoramento das medidas organizacionais, de forma a tentar garantir condições salubres de trabalho.

Desta forma, a Revista Preven será um importante instrumento onde serão publicitados exemplos em diversos setores da economia de boas práticas ao enfrentamento de diversas questões que resultam na prevenção de acidentes e adoecimentos dos trabalhadores e trabalhadoras de nosso país.