Introduzo o tema com uma reflexão: por que implantar a ISO 45001 nas empresas? Pois bem, se você já souber ou se ainda não entendeu a importância da implantação desta norma, ou talvez se não a conhece ainda, fica aqui o convite para me acompanhar nestas breves linhas. Fique certo de que, no mundo “vuca” em que vivemos, neste atual e desafiador momento e contexto, ela poderá muito ajudar….

Indo diretamente ao assunto: implantar a ISO 45001 é ter a consciência plena da adoção de uma estratégia assertiva para superar os desafios diante desse panorama de crise contemporânea, além de atender às atualizações das Normas Regulamentadoras (NRs), em especial a atualização da NR-01 que traz as disposições gerais e gerenciamento de riscos ocupacionais, e melhorar a performance de Saúde e Segurança do Ocupacional de sua empresa. O resultado disso? Ambientes de trabalho seguros e saudáveis para os trabalhadores, atendimento às legislações aplicáveis, o que ocasionará uma série de benefícios para a gestão, a exemplo de redução de custos com absenteísmo, e de outros fatores negativos que acometem pesadamente as companhias no tocante à SST e com impactos extensivos, muitas vezes, na produtividade.

Sendo assim, para se ter um diferencial competitivo, traduzido em vantagens de gestão, negócio e às pessoas, as empresas, indiscutivelmente, precisam buscar novas alternativas, entre elas, está a implantação Norma ISO 45001. Mas do que, efetivamente, essa Norma trata?

A ISO 45001, publicada em 2018, é uma Norma, não obrigatória que vem substituir a OHSAS 18001:2007, estabelece os requisitos para implantação, manutenção e melhoria de um Sistema de Gestão de Saúde e Segurança Ocupacional. O seu objetivo é prover uma estrutura para gerenciar riscos e oportunidades de SST nos diversos níveis organizacionais, estratégico, tático e operacional.

0 foco e os resultados pretendidos do sistema de gestão da SST são prevenir lesões e doenças, relacionadas ao trabalho dos colaboradores, bem como proporcionar ambientes laborais seguros e saudáveis. Consequentemente, é deveras importante para a organização eliminar os perigos e minimizar os riscos ocupacionais, com a implantação de medidas de controle eficazes. Afinal, saúde é o que temos de mais importante. Cada vez mais e mais temos isso nítido. E a saúde dos que nos são importantes, também!

Sendo assim, a implantação da ISO 45001 proporciona às organizações ir além do atendimento a NR-01 que, de forma histórica, vem trazendo a exigência de uma nova postura das empresas, antecipando-se na previsão dos riscos ocupacionais e, principalmente, numa atuação, de fato, mais prevencionista quando da implantação do tão discutido atualmente, PGR – Plano de Gerenciamento de Riscos.

Quando essas medidas são aplicadas pela organização, por meio do seu sistema de gestão da SST, há melhora do desempenho de Saúde e Segurança do Trabalho. Esse sistema tende a ser mais eficaz ao se proagir, com ações integradas aos demais processos organizacionais, além de trazer a abordagem com um olhar não apenas para os riscos, mas, também, para as oportunidades que impulsionarão a melhoria do desempenho de SST. Essa percepção e atitude, inclusive, complementam a abordagem da Norma Regulamentadora nº1 atualizada, que incorpora, pela primeira vez, o gerenciamento de riscos ocupacionais como regulamento para as organizações, fato este que exigirá uma mudança significativa nos modus operandi.

O objetivo desta Norma é focar os diversos cenários, antecipando-se a eles, não somente com a ideia de se verificar o que deve ser feito para se tratar os problemas (riscos manifestados). A intenção é bem outra: olhar e agir, com a visão além destas fronteiras, incluindo as sempre bem-vindas ações de melhorias a serem implementadas. O foco é melhorar não apenas o que está errado ou pode dar errado, mas também o que está bom e pode ter um ganho de performance. E sempre há o que se fazer melhor… É um verdadeiro salto de gestão.

E tem mais: a implementação de um sistema de gestão da SST, conforme essa Norma, permite que uma organização gerencie seus riscos e oportunidades de saúde e segurança, atenda, não só a NR01, como as demais legislações aplicáveis, e, assim,  como consequência, melhore seu desempenho como um todo.

Muito importante destacar que outros benefícios estão atrelados à implantação da ISO 45001 e à Certificação do Sistema de Gestão, a saber:

  • Redução de Acidentes
  • Valorização da Imagem e da Marca – um mais claro posicionamento perante o mercado e uma maior positividade na imagem da organização geram valor à marca.
  • Aumento da Produtividade
  • Motivação da Equipe – Não há como ter ganhos efetivos sem uma equipe engajada a realizar o que precisa ser feito e ir além com participação direta na indicação de melhorias constantes.
  • Melhor relacionamento com partes interessadas
  • E outros tantos intangíveis.

Neste novo tempo, na Era da Expansão da Consciência e criação de uma cultura e mentalidade de riscos na qual estamos inseridos, só há ganhos com a implantação da Norma ISO 45001. Trata-se de um novo tempo na tão complexa e desafiadora área da Saúde e Segurança do Trabalho nas empresas. O outro, nosso foco também nesta Pandemia, agradecerá. Agora é com você e com sua empresa… Uma nova era… Um novo normal na SST.