Procurar um psicólogo não significa que você está louco, fraco, precisa de conselhos ou que vai jogar dinheiro fora.

O trabalho do psicólogo tem extrema importância na promoção da saúde mental, do conhecimento, do funcionamento da mente e da compreensão dos relacionamentos e suas complexidades.

Existe uma série de tabus e preconceitos com a procura do serviço que um psicólogo presta e isso acontece devido à falta de informação.

Algumas pessoas podem pensar que a psicoterapia se destina somente a pessoas que possuem algum tipo de transtorno mental. A psicoterapia não se trata apenas de uma conversa, mas como um processo cujo objetivo é a mudança efetiva do indivíduo, mobilizando forças internas para elaborar conflitos e ressignificar emoções.

Qualquer pessoa, em qualquer circunstância pode procurar atendimento psicológico, considerando que a psicoterapia tem caráter preventivo, curativo ou diagnóstico. Em outras palavras, todos nós temos questões que necessitam atenção para desenvolver habilidades de gestão dos conflitos em nossa mente.

É muito comum, também, que as pessoas vejam a psicoterapia como a solução de todos os problemas e que o psicólogo tem uma “fórmula mágica” de como viver plenamente.

A atuação do psicólogo no contexto clínico seria muito mais simples nesse sentido. Mas, enquanto seres humanos e toda complexidade envolvida em existir, isso seria impossível. Afinal de contas, o que é bom para um nem sempre será bom para o outro.

É importante deixar claro que desabafo não é terapêutico, a escuta deve ser qualificada e embasada em teorias psicológicas. Por isso, uma das principais funções da psicoterapia é oferecer uma escuta acolhedora e embasada cientificamente, para que você consiga organizar seus pensamentos.

O atendimento pode ser feito de forma individual e em grupo. Presencial ou online. O atendimento se adapta a necessidade de quem o procura.

As clínicas de psicologia oferecem Ludoterapia para crianças, que são analisadas através da interação com os brinquedos de uma caixa lúdica, e jogos terapêuticos. Psicoterapia individual para adolescentes, adultos e idosos e psicoterapia sistêmica para casais e familiares.

Existe uma tendência, em nossa sociedade imediatista, em viver de forma automatizada, repetindo o pensamento, crenças e cultura dos familiares, o setting terapêutico se torna um lugar onde o sujeito se escuta, e a partir dessa escuta é proposto se desconhecer e despir-se de tudo o que foi absorvido dos outros e criando sua realidade objetivando sua subjetividade. Afinal, conhecendo a si mesmo e entendendo a própria condição de “ser no mundo” é possível fazer escolhas mais conscientes, e se relacionar de forma mais saudável com as pessoas. Possibilitando assim, ter uma qualidade de vida mais elevada.

Quando buscar um atendimento psicológico?

Frequentemente trabalhamos com questões como ansiedade, depressão, compulsão alimentar e conflitos nos relacionamentos. Mas, cada caso tem suas particularidades.

O percurso da psicoterapia nem sempre é fácil, muitas vezes é doloroso. É nesse momento que o sujeito enxerga suas vulnerabilidades e tem a oportunidade de enxergar seus fantasmas e ressignificar suas angústias. Mas para isso, é extremamente importante quebrar a barreira de todos os tabus envolvendo a atuação do psicólogo e buscar atendimento.

Frequentemente, as pessoas não conseguem identificar o que as causa angústia ou o que está por trás de um determinado sentimento. Em psicoterapia, promovemos autoconhecimento. Isto é, permitir que o sujeito se enxergue como de fato é e aprender a lidar com aspectos de sua própria personalidade, tendo melhora significativa em suas relações interpessoais e profissionais.

Pode acontecer, durante o processo, de o sujeito perceber que não é feliz no casamento ou no emprego que tem. O psicólogo auxilia o sujeito a se compreender, desenvolvendo autonomia para lidar com as suas próprias questões, possibilitando assim, a angústia ser diluída e enxergar o mundo em novas perspectivas.

Existem diversas abordagens nos atendimentos psicológicos, todas com embasamento teórico-científico. Sendo abordagem psicanalítica, humanista, fenomenológica e cognitiva comportamental.

A estrutura do atendimento é desenvolvida em algumas etapas. Existem muitas dúvidas em relação à primeira sessão de psicoterapia.

Na primeira sessão ou entrevista inicial, é o momento onde o psicólogo faz o primeiro contato com o paciente. Então pode se dizer que será uma conversa tranquila, onde algumas perguntas sobre a vida do paciente são feitas: quem ele é, com o que trabalha, com quem mora e também o motivo que o fez procurar a psicoterapia.

O papel que o profissional desempenha dentro do setting terapêutico é livre de julgamentos. Quanto menos censurar o conteúdo da fala, melhor será a análise e consequentemente a interpretação do que é falado. A confiança é construída a cada sessão para que a relação psicólogo-paciente se fortaleça. O que pode ser feito nesse momento é tirar as dúvidas para que o paciente sinta-se confortável. É importante se sentir à vontade para falar e o papel do psicólogo é promover um ambiente seguro. Se mesmo assim não considerar o profissional adequado para te ajudar, não se sinta obrigado a dar continuidade no processo.

Nesse momento algumas questões importantes da estrutura do atendimento, como o contrato, também são tratadas. O contrato é o que chamamos tudo o que diz respeito às normas do espaço terapêutico sendo elaborado pelas duas partes, psicólogo e paciente, para que o atendimento aconteça. Questões como dia e horário, pagamento, qual modalidade de atendimento é a mais adequada: presencial ou online, faltas, atrasos e remarcação de horários.

Para que a psicoterapia tenha êxito em seu processo é muito importante que haja senso de compromisso em relação aos horários e dias marcados para as sessões. E principalmente, interesse em enxergar em outras perspectivas para buscar mudanças.

A duração do tratamento pode variar de acordo com o diagnóstico, ou seja, o quadro clínico analisado pelo psicólogo. Além da assiduidade nas consultas e do comprometimento com o tratamento proposto. Mas é importante lembrar que o progresso de cada um é único, evite comparações.

Para encontrar um psicólogo você pode solicitar indicação de um médico, ou até mesmo outro profissional da área da saúde. Peça referência para amigos de sua confiança, ou visite uma clínica de psicologia.